Câmara de Gravatá solicita isenção da Fatura da Compesa para Baixa Renda

376

Aconteceu nesta quinta-feira (28/05), mais uma reunião importante na “Casa Elias Torres“, Câmara de Vereadores de Gravatá. Reunido virtualmente, numa videoconferência com os 14 parlamentares da casa, o presidente, Léo do AR (PSDB), tratou de vários assuntos e indicações pertinentes aos gravataenses, entre eles, uma Indicação de Nº 123/2020, do próprio presidente ao Governador do Estado de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), solicitando que a fatura da Compesa, aos consumidores considerados de baixa renda, seja isenta durante o período de Pandemia do COVID-19.

Considerando que a União tomou providência e foi aprovada a medida provisória Nº 950, de 08 de Abril de 2020, a qual autorizou descontos de 100% na taxa de energia elétrica dos consumidores em todo Brasil. Porque o Estado de Pernambuco não tomou o mesmo posicionamentos em favor dos gravataenses, dos pernambucanos ?“, diz parte da justificativa da Indicação.

Na Justificativa ainda diz. “Considerando que é importante expressar que estamos muitíssimo preocupados com a situação, e que vivemos uma situação inesperada que exige medidas imediatas, tais como o isolamento social. Por isso, são várias famílias que terão dificuldades acrescidas em cumprir com o pagamento das suas habitações, assim como, com o pagamento de serviços básicos, como Água e Luz“.

Considerando que não é uma opção mantemo-nos em casa e com isso, vermos diminuída a remuneração e os fastos acrescidos, Solicitamos que o chefe do Estado de Pernambuco, estude providências que permitam a suspensão das cobranças dos serviços referenciados, durante o período de quarentena/isolamento“, completou.

Caso seja acatada as medidas solicitadas pela Câmara de Gravatá, através do presidente Léo do AR, não só Gravatá, mais todo o estado será beneficiado.

Confira a Indicação na Integra: